A Quinta do Bacalhau

Portugal, Quantas Razões Para a Visitar!

Não é de hoje que Portugal é cobiçado, seja por sua privilegiada localização geográfica, seja por sua riqueza cultural ou por seus vinhos e azeites de fama internacional desde os tempos dos romanos, visigodos e mouros. Hoje são os turistas que estão descobrindo as riquezas lusas.

clip-jornalA par dos grandes néctares engarrafados, a gastronomia é também algo que faz despertar os sentidos mais apurados dos Deuses. De fato, este país à beira mar plantado possui naturalmente uma vasta gama de pratos típicos, porém os mais conhecidos mundo a fora são, sem dúvida, os elaborados à base de bacalhau, mas vai muito além disso, a diversidade é imensa, apesar deste ocupa um lugar de honra à mesa do povo português. Sardinha assada é, também, uma iguaria dominante nos churrascos e festas ao ar livre e não se pode voltar sem provar!!

Contudo, e apesar da consagrada qualidade de seus peixes e mariscos preparados com maestria, os lusitanos também apreciam um bom pedaço de carne, confeccionando-o de acordo com as mais variadas e saborosas receitas, a cada canto do país uma receita diferente com a marca da terra. Carne de porco, cabrito ou borrego (cordeiro) são as mais apreciadas, não esquecendo também o famoso “bife à portuguesa”, geralmente confeccionado com molho à base de Vinho do Porto ou até mesmo o leitão assado, uma iguaria típica da região da Bairrada, os peculiares enchidos (embutidos) e a “francesinha”, um manjar tipicamente nortenho. E a “carne de porco à alentejana”, já provou? Por sinal, adoro Iscas com Elas, já conhece? rs

clipboard-sabores

E o queijos da Serra da Estrela e de Azeitão? Outra iguarias a não perder certamente. Mas, e os doces? Quem é que já não ouviu falar dos célebres pasteis de Belém? E os ovos moles, os pasteis de amêndoa, o pão de rala, o pão de ló, ou até mesmo a aletria, arroz doce, leite creme, doce de gila e as diversas compotas e marmelada?

Neste infinito paraíso gastronômico português, difícil não se deixar levar pela extensadiversos-058 variedade da gastronomia lusitana, mas, claro, sempre bem acompanhada pelo precioso néctar, o vinho! Viajar por terras lusas é uma experiência sensorial única onde não existe espaço para regimes é para meter o pé na jaca mesmo!! rs Como já dizia Stefano Padulosi, “levar um garfo ou uma colher à boca é a última etapa dum percurso demarcado pela história e pela geografia”.

Para além dos consagrados fortificados, Vinho do Porto e Vinho da Madeira, os deliciosos Moscatéis de Portugal compõem o caleidoscópio de um mundo de vinhos de sobremesa ímpares, entre os melhores do mundo! Na verdade, a riqueza das castas é um dos pontos fortes deste país, destacando-se mundo afora pela originalidade de seus vinhos, que despertam bastante curiosidade. São cerca de 300 diferentes castas autóctones de nomes por muitas vezes bem estranhas como Rabo de Ovelha, Avesso, Esgana Cão, Bastardo, Alfrocheiro, Tinta Miúda, Rufete e outras tantas mais! Tudo isso num país de tamanho similar ao Estado de Santa Catarina.

A propósito, já ouviu falar do “Vinho dos Mortos”, um regional transmontano, da bela localidade de Boticas? É, certamente, um vinho com muita história para contar… remete-nos a 1808, período das Invasões Francesas, durante o qual, com o avanço das tropas comandadas pelo General Soult, o povo, com medo dos furtos a que estava sujeito, resolveu enterrar os seus bens mais preciosos, entre os quais, o vinho. Mais tarde, após os franceses terem sido expulsos, os habitantes da Vila de Boticas começaram a desenterrar os seus pertences e, naturalmente, os seus vinhos, que acreditavam já ter perdido. Porém, qual não foi o espanto da população quando deparou que o vinho ainda estava em perfeitas condições, adquirindo até novas propriedades organolépticas. A partir deste feito e por ter sido enterrado, este vinho passou, então, a designar-se “Vinho dos Mortos”, passando-se a utilizar esta técnica, descoberta ocasionalmente, para melhor conservar e otimizar as propriedades do vinho. Estou com uma garrafa para provar, mas ….. bem, depois falo!

Provavelmente, ainda não tenha ouvido falar desse vinho, mas certamente já ouviu dizer que Portugal é um país bem arraigado às suas tradições, então, porque não continuar a fazer vinho em lagares de pedra, prática esta que remonta à Roma antiga? Grandesdiversos-058 Vinhos do Douro, Dão e do Alentejo, em especial, ainda são feitos por esse processo e não é só coisa para turista não!! Estes são apenas alguns exemplos da vasta riqueza gastronômica (que tal comer no Cu da Mula??) e vitivinícola portuguesa, porém Portugal tem muito mais para ser descoberto! Tem cultura, arquitetura, história mesclada com modernidade,paisagens lindas e uma enorme diversidade regional, não tem quem viaje por lá e não volte surpreso e querendo voltar sendo comum eu ouvir a frase; ” se eu soubesse que era assim já teria ido antes”!

Hoje não falei de vinho, porém falar de Portugal é falar da farta opção de vinhos e pratos que nos fazem aguar só de pensar, saudades!! Kanimambo pela visita e neste fim de semana, seja em casa ou em um dos muitos restaurantes lusos espalhados pelo mundo afora, vá conhecer um pouco dessas iguarias e se deliciar com os sabores de Portugal. Bom e gordo fim de semana, porque ele existe para isso, eu fiquei com vontade e acho que daqui a pouco vou dar um pulo na A Quinta do Bacalhau e me deliciar com bolinhos de bacalhau e uma bela alheira! Fui!! rs

Salvar

Jantar Vínico Luso na “A Quinta do Bacalhau”

Dia 29/11 a partir das 20 horas – Wine Dinner promovido por mim no restaurante

“A Quinta do Bacalhau”.

Depois do grande sucesso da primeira edição realizada em Maio passado, vamos repetir a dose com vinhos e pratos diferentes numa harmonização única. Vejam abaixo o menu degustação e vinhos a serem servidos.

BoasvindasEspumante Quinta Don Bonifácio Brut

Entrada – Salada Lisboeta (Grão de Bico e Bacalhau) e Bolinhos de bacalhau com o vinho verde Dona Paterna Trajadura/Alvarinho

1º prato – Rojões (carne de porco cortada em cubos), prato típico alentejano com o DFJ Touriga Nacional/Touriga Franca da região Lisboa.

2º prato – Cataplana de bacalhau (batatas e tomate) com o Grandes Quintas Reserva, um tinto do Douro

Sobremesa – Queque de Amêndoas, acompanha Porto Quinta do Infantado Tawny Reserva Dª Margarida

Serão servidos 100ml de cada vinho acompanhando o prato, exceto o Porto com 50ml. Preço de R$160 por pessoa (pagos no ato da reserva) com direito a água com e sem gás e o café ao final do jantar. Refrigerantes e outras bebidas serão cobradas à parte.

a_quinta_do_bacalhau_banner_3

As reservas estão limitadas a 40 pessoas e na última edição lotamos rápido então não hesite e garanta logo sua participação. O evento se dará a partir das 20:00 no restaurante que fica na estrada para Caucaia do Alto acesso pelo km 39 da Rodovia Raposo Tavares. Aguardamos seu contato tanto através do blog, na Vino & Sapore (comercial@vinoesapore.com.br) Tel. (11) 4612-6343 quanto no “A Quinta do Bacalhau” contato@aquintadobacalhau.com.br ou Tel. (11) 4616.5481.

Wine Dinner ou Melhor, Jantar Vínico Luso!

Gente, engordei mais dois quilos só fazendo testes lá na “A Quinta do Bacalhau”, mas a meu ver valeu a pena, as harmonizações ficaram bastante interessantes e algo diferentes do padrão, gostei. Os pratos são deliciosos, os vinhos muito saborosos e escolhidos com muito critério então garanto que prazer não faltará e, talvez, até algumas surpresas! Dia  31/05 (Sábado) a partir das 20 horas receberemos os amigos (limitado a 40 participantes e já só sobraram 24) para um jantar harmonizado nesse gostoso e charmoso restaurante no km 39 da Raposo Tavares, acesso para Caucaia do Alto onde frequentemente almoço, seu executivo vale bem a viagem para quem é da região!

Clipboard banner Wine Dinner Português

A gastronomia portuguesa é divina e muito diversa indo muito além do Bacalhau, apesar deste ser a estrela mais conhecida. Os Vinhos portugueses passam por uma fase maravilhosa com deliciosos vinhos nas mais diversas gamas de preço e estilo, então vamos juntar esses dois destaques da cultura portuguesa num menu degustação devidamente harmonizado, um evento promovido a quatro mãos, as da Iva (proprietária do restaurante) e as minhas, que esperamos seja de vosso agrado. Vejam os detalhes abaixo e façam já suas reservas, pois como já disse haverão tão somente 40 lugares disponíveis. Por R$140,00 por pessoa (R$270 o casal), os privilegiados participantes terão a oportunidade de se deliciar com:
Acepipes – Bolinho de bacalhau, Punheta de bacalhau, Pimentões assados e Beringela á moda harmonizado com Espumante Luis Pato Maria Gomes Bruto. (100ml)
Entrada – Alheira com ovo e batata frita harmonizada com Muros Antigos Loureiro (100ml)
1º Prato – Bacalhau com Natas harmonizado com o vinho Grandes Quintas Colheita (100ml)
2º Prato – Borrego assado (paleta de cordeiro) com batatas coradas harmonizado com o DFJ Francos Reserva (100ml).
Sobremesa – Pastel de Santa Clara harmonizado com Van Zeller Porto Tawny 10 anos (50ml)

Clipboard Wine Dinner Luso

Todos os rótulos servidos (mais detalhes abaixo) estarão disponíveis para venda com preços promocionais ao final do jantar, uma ação em parceria com a Vino & Sapore. O valor inclui água, café e serviço assim como uma taça de 100 ml de cada vinho exceto do Porto do qual será servido 50ml. Pedidos adicionais serão cobrados á parte. Junte seus amigos ou familiares e garanta já sua vaga devendo o pagamento ser efetuado no ato da reserva que poderá ser feita tanta na Vino & Sapore como na Quinta do Bacalhau vejam os dados para contato abaixo:

Vino & Sapore – comercial@vinoesapore.com.br ou Tel. (11) 4612.6343
A Quinta do Bacalhau – contato@aquintadobacalhau.com.br ou Tel. (11) 4616.5481

  • Luis Pato dispensa apresentações e este espumante brut elaborado  com 100% de cepa autóctone portuguesa Maria Gomes (mais ao sul conhecida como Fernão Pires) mostra toda a sua arte.
  • Muros Antigos Loureiro 2012 sai da mão de outro mestre do vinho, o enólogo Anselmo Mendes, e este vinho foi escolhido como um dos 50 melhores vinhos portugueses para o mercado brasileiro no ano passado. É meu conhecido e intimo companheiro de taça já faz um tempinho!
  • Grandes Quintas Colheita 2009, um produtor que descobri recentemente na Expovinis e que me seduziu pela qualidade e sobretudo pelos preços de seus vinhos. Um blend típico duriense de castas autóctones da região que certamente será do agrado de todos, tenho a certeza!
  • Francos Reserva 2009, mais uma grata surpresa da Expovinis e um vinhaço! Da região Lisboa, obteve da Revista de Vinhos  em Portugal o Troféu de Melhores Vinhos Portugueses de 2013 (foram cerca de 100 vinhos escolhidos) e seu enólogo José Neiva Correia foi distinguido com o título de “Senhor Vinho” por sua obra. Vinho produzido somente em grandes anos, sendo esta sua segunda edição. Um achado!
  • Van Zeller Porto Tawny 10 anos, é uma criação de Cristiano Van Zeller conhecido como um dos Douro Boys e produtor de grandes vinhos, entre eles o CV Tinto que para mim é um dos melhores vinhos portugueses da atualidade. Só isso já basta como introdução, porém na boca….hummmm, uma bela forma de encerrar este encontro!

Meus amigos, é só (ufa!!), mas se não reservar logo não adianta reclamar depois! Salute, kanimambo e um ótimo final de semana para todos, agora só volto Segunda.

Aguarde!

A gastronomia portuguesa é divina e muito diversa indo muito além do Bacalhau, apesar deste ser a estrela mais conhecida. Os Vinhos portugueses passam por uma fase maravilhosa com deliciosos vinhos nas mais diversas gamas de preço e estilo, então vamos juntar esses dois destaques da cultura portuguesa num menu degustação devidamente harmonizado. Um menu degustação desenvolvido por mim em parceria com a Iva (proprietária do restaurante) da “A Quinta do Bacalhau”, com cada prato sendo harmonizado com um bom vinho. Como sempre, algumas harmonizações fora do padrão e vinhos pouco conhecidos porém de qualidade irretocável fruto de meu garimpo por produtos e sabores diferentes privilegiando sempre o binômio Qualidade & Preço. Informações em breve, mas vão preparando o palato para mais esse gostoso encontro que desta feita se realizará num Sábado.

Clipboard banner Wine Dinner Português

Salute, kanimambo e um ótimo fim de semana.