O Dia Tá Bom para Namorar – Fondue & Vinho?

Hoje, pelo menos em Sampa e região, acordou encoberto com leve garoa e uma temperatura fresca, tudo a ver com namorar! Quer sair para jantar com sua cara metade Fondue e lareiraou pretendente? Bem, se não reservou está lascado porque nestes dias é sempre complicado achar uma mesa e ficar em fila neste dia nada a ver né? Quem sabe com a crise, o movimento nos restaurante caiu muito, você dê sorte, mas eu ainda acho mais romântico ficar no seu canto, a dois, curtindo mais à vontade e com mais privacidade seu momento a dois! Nessa hora e no dia acho que o menos é mais e um Fondue com Vinho vai é muito bem!

Fondue, originário da Suiça e outrora muito elitista em nossas terras tupiniquins, sempre foi algo muito corriqueiro em países europeus de inverno mais rigoroso e, aqui, começa a ganhar um status diferenciado até porque não exige grande conhecimento para elaborá-lo e tão pouco é caro. Com os pacotes prontos para uso e de custo bastante baixo, basta comprar um kit para fondue e começar a curtir sem grandes gastos e, ainda por cima, tem aquele tempero romântico quando “harmonizado” a dois. Um pacotinho desses de fondue de queijo, os puristas vão se revoltar mas é bem mais prático e bom, serve duas pessoas numa boa e, se quiser algo mais, complete com um de chocolate e frutas, bom demais! Eu tenho sempre umas caixinhas na despensa, nunca se sabe quando dá vontade, então …..

Na hora do fondue sempre fica uma pergunta, que vinho tomar? No de carne é fácil;Fondue-de-queijo vai-se de tintos com boa textura, taninos aveludados e equilibrados livres de qualquer adstringência mais acentuada e rusticidade, e não tem conversa!Gosto dos syrahs em função dos vários molhos usados, me parece mais versátil, mas nada de bombas tânicas e de super extração, é fondue, não churrasco! rs Quanto ao de queijo, mais fácil, há seguidores tanto do branco como do tinto e não existe regra. Pessoalmente, gosto de harmonizar meu fondue de queijo com um vinho tinto pouco tânico, leve e fácil de beber sem se contrapor ao queijo, mas não deixo de tomar meus brancos também, até porque gosto de variar. Nos brancos devemos evitar aqueles muito cítricos e florais que, tradicionalmente, são mais companheiros no verão, preferindo aqueles um pouco mais untuosos e de maior estrutura devendo ser tomados frescos, mas não muito gelados.

Para acompanhar o fondue de chocolate, não existem muitas opções e talvez a melhor fondue-chocolateharmonização seja um Banyuls ( da região de Roussillon no sul da França) ou um Vinho do Porto Ruby, eventualmente um Reserva ou até um LBV com alguns anos de garrafa, apesar destes talvez virem a apresentar uma concentração e nível alcoólico um pouco altos demais. Como o momento é propicio e se você for usar frutas bem cítricas, pode também arriscar um bom espumante Moscatel nacional pouco doce e bem equilibrado, pode dar um samba legal e até levar a outros prazeres! rs Uma trilha sonora adequada também vai bem, então capriche com algo como o video abaixo?!

Lembro que o vinho tem que primeiramente, na minha opinião, harmonizar com as pessoas e só depois com o prato. Quando conseguimos harmonizar os três, aí sim chegamos ao nirvana, então seu parceiro(a) gostar do doce néctar é essencial! Procure sua loja preferida, aquele sommelier /enófilo que que você confia e converse com ele para encontrar seu vinho de hoje caso ainda não esteja em sua adega. Caso precise eu estou te esperando na Vino & Sapore! rs

Cheers, kanimambo e um dia repleto de amor e carinho. Que esse sentimento se estenda pelo fim de semana e sempre, porque faz um bem danado ao coração!